DICA ESPECIAL: JOÃO BÁ



Poeta, ator, compositor e cantador, João Bá fez trabalhos em trilhas sonoras como no épico Lampião.

Centro Cultural São Paulo - Sala Adoniran Barbosa
Dia 13 - sexta-feira, às 19h.
Ingressos: R$15 (a bilheteria abre com uma hora de antecedência)


Mais sobre o músico

Nascido em Crisópolis, na Bahia, o cantor João Bá atua no cenário da MPB há 52 anos. Pesquisador da cultura popular brasileira, traz nas suas poesias e melodias um canto de resistência da natureza, um jeito simples de louvar a terra, a vida, o respeito à história e memória nacional.
Tem mais de duzentas músicas compostas, diversas delas gravadas por artistas como Hermeto Paschoal, Almir Sater, Dércio Marques, e outros. Entre suas participações, destaca-se a que ocorreu no Festival da TV Tupi em 1979, com a música Facho de fogo, escrita em parceria com Vidal França e interpretada por Diana Pequeno.
Seu primeiro disco, Carrancas, lançado em 1988, contou com a participação de Hermeto Paschoal, Osvaldinho do Acordeom, Toninho Carrasqueira, entre outros. Em 1994, lançou seu segundo trabalho de estúdio, Carrancas II e, três anos depois, Ação dos Bacuraus Cantantes. Essas duas obras foram indicadas pelo MEC na Cartilha de Referencial Curricular Nacional Infantil - Volume 3. Em 2003, foi produzido o disco João Bá - 50 anos de carreira. Seu trabalho mais recente, Pica Pau Amarelo, saiu em 2004. Três faixas desse disco (Bicho-da-seda, Romance de Bartira e Abrolhos) foram incluídas na coletânea CD Aruanã, coletânea lançada pela Warner-Chapelli na Itália.
Em 2007, três canções de João Bá fizeram parte da trilha sonora do documentário Entre o mar e o sertão, sobre Glauber Rocha, exibido pelo canal Sesc TV. Também é um dos compositores da trilha sonora do documentário Nas terras do bem-virá, de Alexandre Rampazzo, ganhador da Menção Honrosa da 12ª. Edição do Festival É Tudo Verdade.
Atualmente, João Bá está em fase de produção de seu próximo álbum, que versará sobre a fauna e a flora da Mata Atlântica, uma viagem musical inspirada na sua vivência pela baixada santista. No show, contará com a presença dos convidados Jica (percussão), Turcão (baixolão) e Gabriel Levy (acordeom).

Repertório:

Forró da Lua Cheia, Bicho da seda, Facho de fogo, Cacheira do Aracá, O menino e o Mar, Romance de Bartira, Beira de Mar, Serra da Canastra, Festa na Ribeira, Manacá da Serra, Abrolhos, Rede de Varanda
* Todas as músicas são composições de João Bá



10 comentários:

  1. Fernanda disse...:

    Imperdível!

  1. joca disse...:

    Assino em conjunto com a Editora-Chefa Fernanda!

  1. Anderson H. disse...:

    Eu adoro João Bá. Tenho três cds dele. A música com o Maestro Vidal França é divina!

  1. Anônimo disse...:

    CERTAMENTE O BACURAU CANTANTE(JOÃO BÁ), ESTÁ ENTRE OS ARTISTAS QUE MAIS ADMIRO!
    COM CERETEZA ESTAREMOS LÁ,( EU E CUMPADI JOCA ) PRESTIGIANDO O TRABALHO DELE.
    DEVEREMOS CONTAR AINDA COM A PRESENÇA DE PEREIRA DE MANAUS, DONO DE UMA DAS MAIS BONITAS VOZES DO BRASIL.
    IMPERDÍVEL MESMO!

  1. gibadaviola disse...:

    João é daqueles artistas que preservam sua natureza e a natureza do outro. Um amigo, pessoa simples que vende sua obra na rua como fazia Plinio Marcos, outro monstro sagrado de nossa cultura. Tive vários momentos com ele, alguns memoráveis, um dia conto tais aventuras. Tive também a oportunidade de contar e cantar histórias num evento em sua homenagem que fizemos no Lua Nova, onde reunimos vários artistas sob a batuta do Vidal França e Turcão. Tamo lá!!!

  1. liza disse...:

    GENTE,que foi aquilo?
    Um dos mais belos espetáculos que pude presenciar, o centro cultural ficou pequeno, era muita energia positiva espalhada pelo.. bom, vamos esperar o relato da editora chefe. Como diria nossa cumadi Iara lá de BERABA BÃO., "EITA TREM BÃO SÔ"!!
    e mais! fechamos a( turma do sertão paulistano), noite com uma bela comida mineira, cumadi Iara, cumpadi Alexandre, essa foi em homenagem ao amigos mineiros!
    cumadi liza,
    ainda em alfa.

  1. Iara disse...:

    Ei, comadre Musa! Posso tê um tiquim assim de inveja de ocê?
    NossssssssSenhora da Abadia! Deve de tê sido um trem do capeta de bão essa estrela do João, brilhando por aí! Os mineiros viram o brilho, é certo, mas carece de a gente se reuni num próximo e poder sorrir de olho no olho, né não?

    Beijos procê e pro meu compadre Joca

  1. LIZA disse...:

    Cumadi Iara,ocê pode tê um montão assim ó di inveja, o mió ainda tá pur vir, aguarde! prepare o coração vissi?
    inda ontem falávamos no encontro " café com leite". Carece di nóis si reuni num vamus nus programar e fazê contagem regressiva!!
    Beijos procê minha cumadi!

  1. liza disse...:

    Ai esse teclado! ou será quem tenta operá-lo? Digo: vamos nos vamos nos programar, e fazer contagem regressiva!!

  1. liza disse...:

    Ai esse teclado! ou será quem tenta operá-lo? Digo: vamos nos programar, e fazer contagem regressiva!!

Postar um comentário

 
Ser-Tão Paulistano Copyright © 2010 - 2011 Template Oficial Versão 2 | Desenvolvido por Iago Melanias.