o Patativa, o Suassuna e o Cordel

Para ouvir: Programas de rádio (podcast) produzidos pelo Museu da Pessoa - Memórias da Literatura.


O SERTÃO CANTADO PELO PÁSSARO MIÚDO
O poeta nordestino que carregou em seu nome a sua cidade natal, Assaré, no interior do Ceará, viveu até os 93 anos, morrendo em 2002. Patativa do Assaré é lembrado pelo lavrador Dirceu Pelegrino e pela jornalista Valéria Burgos.




UM ESCRITOR DE SOTAQUE
O dramaturgo paraibano Ariano Suassuna é um dos maiores defensores da cultura popular brasileira. Durval Leal Filho foi produtor de um documentário sobre o escritor, e o diretor de teatro Ednaldo Freire encontrou na obra de Suassuna uma identidade de vida e criação artística.



O LEGADO DO CORDEL PARA A LITERATURA BRASILEIRA
A poesia popular do cordel salta dos simples folhetos vendidos em feiras e mercados de rua para ser recitado e cantado por Evando dos Santos e pelo repentista Sebastião Marinho.



0 comentários:

Postar um comentário

 
Ser-Tão Paulistano Copyright © 2010 - 2011 Template Oficial Versão 2 | Desenvolvido por Iago Melanias.