CATORZE ANOS DE SARAU

"Tinha eu 14 anos de idade
Quando meu pai me chamou
Perguntou se eu não queria
Estudar filosofia
Medicina ou engenharia
Tinha eu que ser doutor
Mas a minha aspiração
Era ter um violão
Para me tornar sambista
Ele então me aconselhou
Sambista não tem valor
Nesta terra de doutor
E seu doutor
O meu pai tinha razão.
Vejo um samba ser vendido
E o sambista esquecido,
O seu verdadeiro autor
Eu estou necessitado
Mas meu samba encabulado
Eu não vendo não senhor".

Paulinho da Viola



Para quem resolveu se tornar sambista, poeta, musico ou escritor o Sarau da Rua São Lucas, no Parque São Lucas, foi uma das primeiras manifestações culturais da periferia de São Paulo a dar chance a que anonimos pudesem mostrar suas qualidades artisticas. Foi o início para muitos que hoje tem livros publicados, musicas  e letras gravadas, atuam em espetáculos teatrais e musicais. E para quem resolveu estudar filosofia, medicina ou engenharia e também mostrar que sabe escrever, tocar, cantar ou declamar sempre foi bem recebido.

Afinal o Sarau do Bar do Frango, todo último domingo do mes, é realizado em um local que recebe de "braços e portas abertos" em um ambiente de total alegria e comprometimento com a cultura. Continua sendo o espaço para aqueles que apenas querem ser ouvidos e mostrar suas qualidades independente de sucesso e ao lado de outros já conhecidos e consagrados.

Momento de festejar e comemorar os Catorze Anos e também de muita preocupação com a investida da prefeitura de São Paulo que parece não gostar nem um pouco deste tipo de manifestação popular.  Foram fechados o tradicional Sarau do Binho no Campo Limpo, o Poesia na Brasa no bairro de Brasilandia e o Lua Nova no Beixiga. Os espaços podem não estar totamente dentro da legislação?. Sim. A prefeitura orienta e dá condições de regularização?. Não. São muitas as leis que orientam o funcionamento dos locais, as últimas de grande restrição, não não dando condições aos proprietários de regularização. Pesadas multas são aplicadas, antes de qualquer orientação, impossibilitando e impedindo o funcionamento. Existem as leis?. Sim. Foram votadas pelos nossos representantes e homologadas pelo prefeito?. Sim. Leis são para serem acatadas?. Sim. Foram criadas por representantes de alguns segmentos da sociedade e para atender aos interesses destes segmentos?. Sim. Podemos discutir as consequências?. Devemos e podemos pois é um movimento que procura coibir e impedir que a cultura se amplie, ofereça oportunidades e condições a quem tem dificuldade de se manifestar. Parece ser dirigido aos movimentos dos bairros mais afastados, onde o poder público não oferece escolas, bibliotecas e áreas de lazer à população, e a pessoas que fazem a sua parte pela educação de um povo que só é lembrado nesta época. 

Todos os cumprimentos ao Tatau pela persistencia, por acreditar e, principalmente, por estar fazendo a sua parte.
 
 Lucas, filho da Graziella e do Sakae, estupendo violonista e também poeta.

Participações: livre e irrestrita.






 Tatau: Mestre de Cerimônia, sem cerimônia.

A comemoração dos Catorze Anos do Sarau do Bar do Frango será neste domingo, dia 26, à partir das dezoito horas logo ali na Zona Leste, avenida São Lucas, 479, travessa da Avenida do Oratório, altura do nº 2300 ou da avenida Anhaia Melo, altura do 5000.



1 comentários:

  1. Joca disse...:

    Palavras e ideias muito bem colocadas, com a sobriedade e serenidade típicas do ZéMaria e com a veêmencia necessária. A cultura e a educação são relegadas a segundo plano por todos os governantes brasileiros desde que me conheço por gente. Na minha adolescência existia a desculpa da ditadura; foi-se a ditadura há mais de 25 anos e a saúde, educação, cultura continuam na mesma. Podem dizer "teoria da conspiração", mas desconfio de um conluio entre aqueles que chegam ao poder para não permitir que o povo seja verdadeiramente livre, seja economicamente, mas especialmente, com capacidade de pensar e decidir seu destino, livre da tutela de "pais da pátria". Basta ver os programas de debates na TV paga sempre com as mesmas figuras; os "musicais", sempre com as figuras carimbadas de sempre e por aí vai. Por isso, temos de louvar e apoiar sempre iniciativas como o Bar do Frango, o ECLA e outros que insistem que a liberdade de nossas mentes e conciências é possivel.

Postar um comentário

 
Ser-Tão Paulistano Copyright © 2010 - 2011 Template Oficial Versão 2 | Desenvolvido por Iago Melanias.